Bebês Com Estilo

Descubra a forma correta de ousar na decoração infantil e, ainda, estimular de forma positiva a visão de sua criança

Bebês e crianças pequenas precisam de estímulo visual. Não é à toa que os brinquedos são sempre multicoloridos e extravagantes. Mas por que a maioria das pessoas cisma em fazer um quarto de bebê todo branquinho ou bege? Está na hora de perder o preconceito decorativo e abraçar novas possibilidades, inclusive o preto e o cinza. Como em qualquer outro cômodo da casa, as cores alegram, inspiram e trazem vida, só é preciso saber usá-las!

Madeira clara e laca

Dormitórios devem ser iluminados, principalmente os infantis; então armários com madeira escura não são a melhor escolha. Para fugir de um visual pesado e da mesmice do branco, vá de madeira clara ou móveis em laca colorida. O único problema da laca é que risca com facilidade, mas uma alternativa é usar fórmica, que tem uma infinidade de opções. 

O berço também pode ganhar camadas de pintura e transformar-se na estrela da decoração. Dessa forma, até mesmo um móvel antigo herdado de família ganha ares contemporâneos.
 

Paredes estampadas

Esqueça os papéis de parede convencionais, o quarto do bebê pode ter padronagens originais, como estampas que simulam tijolinhos ou florais ousados. Outro recurso que traz aconchego às paredes são os tecidos, que além de embelezar, aquecem o cômodo.
 

Candy Colors
Se você prefere uma abordagem tradicional, mas não necessariamente branca, aposte nos tons pastel. Rosa, azul e lilás podem ser misturados e sempre dão um resultado delicado. Em propostas como esta, os objetos lúdicos ganham ainda mais força, como almofadas de nuvem, nichos redondos e móbiles diferentes. Para dar mais personalidade ao espaço, você pode pintar uma cômoda antiga em degradê ou em nuances similares - o efeito é incrível!
 

Dicas


Detalhes poéticos
As propostas lúdicas sempre terão espaço em ambientes infantis. 
Sugestão: um lindo pendente com pássaros ou um móbile de borboletas!
 

Peças à mostra
Há quem não goste da ideia de deixar as roupinhas do bebê expostas, mas de repente você pode mostrar apenas algumas – as mais usadas, por exemplo, e o resto guardar no armário. 
Sugestão: instalar um varão cromado sobre o trocador e pendurar alguns cabides (há opções revestidas com tecidos lindos) com algumas peças de roupas.
 

Cores Ousadas
Cansada dos tons pastel? Quarto de bebê também pode ter cores escuras, como preto, cinza, marrom e azul marinho. Para suavizar o resultado final, aposte em detalhes clarinhos e bem delicados.
 

Brincar de customizar
Quer peças únicas? Pegue uma cômoda ou armário antigo e deixe-o mais divertido usando tintas coloridas. Você também pode investir em puxadores criativos, papéis de parede e adesivos.



Sobre o autor: Editora Luxor

Editora Luxor

Redação Editora Luxor